27 de nov de 2011

Bolo de Caneca

Já havia visto vários blogs e sites com receitas de bolo de caneca, mas sempre fiquei na dúvida de fazer por achar que não ia dar muito certo.

Nessa manhã de domingo, com essa chuva lá fora e cheia de trabalhos para acabar, achei que seria uma boa opção, pois é um bolo feito em tempo recorde: 5 minutos são suficientes.

Realmente dá certo, mas feito no microondas não tem como ficar fofo igual a um bolo assado lentamente em forno. Fica a dica para os dias de preguiça e pouco tempo!

Quando estava fazendo o bolo, lembrei do papo com uma amiga ontem que estava procurando atividades para as crianças no fim de semana. Como é só misturar e individual, fica fácil cada uma fazer o seu!

Ingredientes:

1 ovo
4 colheres (sopa) de leite
3 colheres (sopa) de óleo
2 colheres (sopa) rasa de chocolate em pó
4 colheres (sopa) rasa de açúcar
4 colheres (sopa) rasa de farinha de trigo
1 colher (café) de fermento em pó

Preparo:

Separe uma caneca com capacidade para 300 ml e bata nela o ovo com um garfo. Junte o óleo, o leite e bata. Junte os demais ingredientes e misture bem, na caneca mesmo. Leve ao microondas por 3 minutos na potência máxima. Deixe esfriar um pouco e desenforme, se preferir.

Fiz somente o bolo, mas quem quiser colocar uma calda, é só misturar leite condensado com chocolate em pó e jogar sobre o bolo ainda quente depois de furá-lo com um garfo.


                                                Foto por Cynthia Brant





25 de nov de 2011

Receitas do Cerrado

Livros são minha segunda paixão depois da culinária e o bom é que existem livros maravilhosos de culinária! Hoje em dia, existem milhões de receitas disponíveis na net, de tudo quanto é lugar e em várias línguas, mas acho que nada substitui o folhear das páginas, a procura pela receita daquele momento, o ler e pensar: é essa mesmo que eu estava procurando...

Curto ler as entrelinhas, as notas de rodapé com as dicas, ver a foto e o cuidado com que a mesa foi arrumada, quais os utensílios foram escolhidos, os diferentes temperos utilizados em cada uma, a opinião do autor...Um livro de culinária tem sempre muito mais do que uma receita!

Recentemente, adquiri o Gastronomia do Cerrado, da chef Rita Medeiros, que é especialista no preparo de sorvetes e sorbets em Brasília. O livro apresenta receitas que utilizam ingredientes típicos do Cerrado e ainda é o resultado de um curso de capacitação em gastronomia sustentável! Muito bacana!!

O melhor é que o livro está disponível no site da Fundação Banco do Brasil neste link! As fotos são incríveis, há comentários sobre a origem das receitas e o preparo parece ser tranquilo. Só vai ser um pouco difícil achar os ingredientes aqui em BH! Quem fizer, me conta!


24 de nov de 2011

Creme de abacaxi e côco com cachaça

A receita de hoje é de uma amiga que adora cozinhar e sempre faz coisas maravilhosas! E morando no Canadá, tá certíssima em colocar uma bebidinha para esquentar, como no caso desse creme de abacaxi com côco e cachaça!

Ela mesmo ensina e mostra como ficou:

"Eh o basico dos cremes. Uma lata de leite condensado, uma lata pequena de creme de leite, 05 fatias grossas de abacaxi, 1/2 xicara de chá de coco ralado, 1/3 de xicara de chá de cachaça. Bate tudo no liquidificador. Despeja na forma. Pica abacaxi e coloca por cima, polvilhando com côco e leva à geladeira. Ai eh soh comer...*rs....ficou bom pq nao ficou muito doce e a cachaça deu um toque. Usei seleta, cachaça boa...*rs. A unica que eu tinha aqui tb..."

                                                       Foto por Marcela Godoy

Já postei aqui antes mesmo de fazer! Conhecendo o que ela faz, garanto que deve ter ficado ótimo!!

22 de nov de 2011

Carne Mexicana

Receitinha simples, para variar um pouco a usual carne moída. 

O preparo dessa receita é rápido, fácil e a carne pode ser servida somente com arroz e batata palha. Nem por isso deixa de ser um prato diferente e saboroso!!

A pimenta dedo de moça faz a diferença nessa receita que, à primeira vista, parece ser comum, mas provem e verão que ela dá um sabor especial ao prato.

Tirada do blog Figos & Funghis, que é cheio de receitas práticas!


Ingredientes:

300 grs de carne de boi moída (patinho)
1 colher (sopa) de óleo
1/2 cebola picada
2 dentes de alho picados
1 tomate sem semente picado
1/2 lata de milho verde
3 pimentas dedo de moça sem sementes picadas
sal e pimenta a gosto
4 colheres (sopa) cheias de creme de ricota ou requeijão cremoso

Preparo:

Tempere a carne com sal e pimenta. Reserve. Refogue a cebola e o alho no óleo por 2 minutos. Acrescente a carne moída e o tomate e refogue até cozinhar. Desligue o fogo, ajuste o sal e passe para um refratário, desprezando a água do cozimento. Cubra com o milho e depois com as colheradas de creme de ricota (ou requeijão). Salpique a pimenta sobre o creme e leve ao forno por 20 minutos. Antes de servir, regue com azeite.


                                             Foto por Herlandes Tinoco

20 de nov de 2011

Crumble de Frutas

Se tem uma lista das melhores coisas que já comi, crumble é uma delas!! Frutas quentes com uma cobertura de farofa e acompanhada de sorvete me trazem a sensação de conforto e é uma sobremesa deliciosa!

Você pode usar as frutas que quiser, só uma ou uma mistura delas. Dessa vez o crumble foi de abacaxi, ameixa, maçã e pêra.

Ingredientes:

4 fatias grossas de abacaxi picadas
2 maçãs (sem casca) picadas em cubos
2 pêras (sem casca) picadas em cubos
5 ameixas (com casca) picadas
1 colher (sopa) de açúcar
suco de 1 limão
1/2 xícara de uva passa


Cobertura:

30 grs de manteiga sem sal picada
2 colheres (sopa) de nozes moídas
1 colher (sopa) de açúcar mascavo
1 colher (sopa) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de aveia
1/8 colher (chá) de canela em pó
1/8 colher (chá) de cravo em pó
1/8 colher (chá) de noz moscada

Preparo:

Pique as frutas, espalhe em um refratário e cubra com o suco de limão e o açúcar. Espalhe também a uva passa. Reserve.

                                              Foto por Cynthia Brant

Para a cobertura, pique a manteiga gelada, misture os demais ingredientes e cubra as frutas. Leve para assar até borbulhar (assei por 40 minutos). Sirva quente com sorvete.

                                            Foto por Herlandes Tinoco






19 de nov de 2011

Strudel de Maçã

Ontem foi dia de encontrar colegas e amigas que eu não via há muito tempo!!

O tempo passa, mas mesmo depois de 13 anos os casos são contados como se tivessem acontecido recentemente! A aparência pode mudar, a forma de pensar também, mas algumas coisas não mudam nunca: o jeito de cada uma!

Meninas, hoje a receita é para vocês! E bem fácil! A massa já vem pronta e o recheio é daqueles rapidinhos. Coloco pouco açúcar, mas se quiserem mais doce, é só aumentar.

Um beijo para todas!

Ingredientes:

1 pacote (500 grs) de massa pronta (usei semi-laminada)
6 maçãs raladas (com casca)
1/2 xícara (chá) de uva passa
1 colher (chá) de canela em pó
1 colher (sopa) de semolina
5 colheres (sopa) de açúcar
suco de 1 limão
1 ovo batido para pincelar
óleo para untar o tabuleiro
açúcar e canela para polvilhar

Preparo:

Prepare o recheio: rale as maçãs e despreze os cabos e as sementes. Aperte-as com a mão para que toda a água saia. Transfira as maçãs secas para outro recipiente e regue-as com o suco de limão. Misture a semolina. Coloque a canela, as passas e o açúcar e misture.

Polvilhe uma superfície com farinha e abra a massa formando um retângulo. Coloque todo o recheio na ponta da parte mais larga da massa. Enrole a massa e dobre as pontas para baixo. Unte uma assadeira ou coloque uma folha de papel manteiga para a massa não grudar no tabuleiro. Bata um ovo e pincele o strudel. Leve para assar em forno pré-aquecido por 40 minutos ou até a massa corar.


                                            Foto por Herlandes Tinoco


A receita foi adaptada de um vídeo que vi: esse aqui.

15 de nov de 2011

Tapioca com recheio de abóbora e côco

Para variar o café da manhã, nada melhor que uma tapioca recheada! Nenhuma ainda é igual a do Mercado de Porto Velho (a melhor que já comi!), mas dá para matar a vontade!

Geralmente, fico no tradicional recheio de queijo ou presunto, mas dessa vez resolvi experimentar de abóbora com côco! Como ficou bom!!

A goma de mandioca hidratada compro no supermercado mesmo, vem em um pacote já pronta para uso. 

Ingredientes:

500 grs de goma de mandioca hidratada
300 grs de abóbora cozida e amassada
4 colheres (sopa) de leite de côco
4 colheres (sopa) de côco ralado
4 colheres (sopa) de açúcar

Preparo:

Peneire a goma e reserve. Aqueça uma frigideira antiaderente. Coloque no centro duas colheres de goma peneirada e com as costas da colher vá espalhando-a até fazer um círculo. Não é preciso untar a frigideira, mas ela deve estar quente quando colocar a goma. Deixe esquentar 30 segundos e vire. Deixe mais 30 segundos e retire. Rende 8 tapiocas.

                                          Foto por Herlandes Tinoco

Para o recheio, misture tudo e leve ao fogo apenas para o açúcar derreter. Cerca de 5 minutos são suficientes. Recheie as tapiocas e sirva.


                                               Foto por Cynthia Brant


PS: Começando a aprender a fotografar..



12 de nov de 2011

Bolo de Vinho Tinto com Chocolate

Vi essa receita na revista Casa e Comida desse mês e a curiosidade bateu na hora. Fiquei sem saber se ficaria bom, mas como diz uma amiga minha: vinho + chocolate = não tem como não ser bom!!

Bem diferente esse bolo que fica molhadinho, com um aroma espetacular e é delicioso! Com uma bola de sorvete de creme para ser servido como sobremesa também deve ficar ótimo!

A única mudança que fiz na receita da revista foi na calda, pois achei que metade da quantidade sugerida já era suficiente para ficar bem úmido.

Dá um pouco de trabalho ralar o chocolate, mas verão que compensa!

Ingredientes:

240 grs de manteiga
240 grs de açúcar
4 ovos
300 ml de vinho tinto
240 grs de farinha peneirada
1 pitada de noz moscada
1 pitada de canela em pó
2 colheres (sopa) de cacau em pó
1 colher (sopa) cheia de fermento em pó
130 grs de chocolate amargo ralado

Calda:

50 ml de água
30 grs de açucar
130 ml de vinho tinto

Preparo:

Pique a manteiga e espere até que ela atinja a temperatura ambiente. Leve-a à batedeira junto com o açúcar e misture até obter uma pasta lisa. Adicione os ovos e continue batendo para que a massa fique homogênea. Acrescente o vinho tinto, misturando levemente com uma colher de pau. Junte a farinha e bata até obter uma massa lisa. Adicione a canela, a noz moscada e o fermento de uma vez só, batendo tudo a mão. Acrescente o chocolate ralado e incorpore. Despeje em uma forma média de buraco no meio untada com manteiga e enfarinhada. Leve ao forno pré-aquecido por 1 hora a 180 graus.

Calda: Em uma panela, aqueça a água e o açúcar misturando até dissolver. Desligue e acrescente o vinho. Espere esfriar e jogue sobre o bolo desenformado ainda morno. Deixe o bolo esfriar para servir.

                                              Foto por Herlandes Tinoco

9 de nov de 2011

Tornedor au Poivre

Era para ser um Steak au Poivre, mas o corte de baby beef estava tão convidativo, que preferi o Tornedor! A receita original é francesa, feita com bisteca de carne temperada com pimenta preta em grãos. Mudança na carne, mas a forma de preparo e os demais ingredientes permaneceram, assim como o acompanhamento tradicional: batatas fritas.

A carne pode ser marinada com até 6 horas de antecedência e quanto mais tempo ficar marinando, mas picante ficará. Eu deixei só as 2 horas e ficou perfeita!

Ingredientes:

600 grs de tornedor de baby beef
3 colheres (sopa) de pimenta do reino preta em grãos
1 colher (sopa) de óleo
2 colheres (sopa) de manteiga
1/2 xícara (chá) de conhaque
1/2 xícara (chá) de creme de leite fresco
sal a gosto

Preparo:

Faça alguns talhos na carne para evitar que a carne enrole durante o cozimento. Coloque os grãos de pimenta em um saco plástico e amasse-os com um rolo ou bata com um martelo de cozinha. Ponha a carne em uma travessa e pressione os grãos de pimenta com as mãos, dos dois lados da carne. Tampe e deixe marinar na geladeira por 2 horas.

                                                                                 Foto por Herlandes Tinoco

Retire a carne da marinada. Aqueça o óleo e a manteiga em uma frigideira grande. Se quiser um sabor mais suave, raspe a pimenta da carne, como fiz. Caso queira mais apimentado, deixe-a. Tempere a carne com sal e frite em fogo forte por 4 a 8 minutos até dourar.

                                                         Foto por Herlandes Tinoco

Vire a carne e continue cozinhando até dourar de ambos os lados (cerca de 5 minutos para mal passada e 10 minutos para ao ponto).

Dica: para verificar se está pronta, pressione o centro com a ponta do dedo. Se parecer uma esponja, ainda está mal passada; se estiver firme, está ao ponto.

Despeje o conhaque na frigideira e deixe ferver. Acenda um fósforo no canto da frigideira para flambar. Tome cuidado, pois devido à quantidade de conhaque, o fogo é alto! Regue a carne com os caldos da panela até que as chamas se apaguem. Passe a carne para um prato. Acrescente o creme de leite no caldo da frigideira e cozinhe. Cubra a carne com o molho e sirva-a com as batatas.


                                              Foto por Herlandes Tinoco


A receita foi tirada de uma coleção antiga da Folha de São Paulo chamada Coleção Passo a Passo - volume Comida Francesa.



8 de nov de 2011

Panna Cotta com Geléia de Goiaba

A panna cotta é uma sobremesa italiana que significa "nata cozida". Existem várias formas de preparo, que foram modificando a receita original com natas, mas a que mais gosto é basicamente creme de leite adoçado e "endurecido" com gelatina sem sabor, com a textura parecida com a de um flan. Sozinha não é muito doce e pode ficar um pouco sem graça, mas complementada por uma calda ou geléia de frutas fica maravilhosa!!

Já fiz com maracujá e morangos assados, mas escolhi dessa vez uma geléia de goiaba para a cobertura!


Ingredientes:

2 colheres (sopa) de água
1/2 pacote ou 6 grs de gelatina em pó sem sabor e incolor
480 ml de creme de leite fresco
1/2 xícara (chá) de açúcar
1 colher (chá) de essência de baunilha (dessa vez nem coloquei e ficou ótima também!)
geléia para cobertura

Preparo:

Coloque o creme de leite em uma panela, acrescente o açúcar e deixe cozinhar por 5 minutos, mexendo para dissolver o açúcar. Coloque a gelatina em um potinho e dissolva-a com a água quente. Misture a gelatina na mistura de creme de leite e mexa bastante para dissolver. Coloque o creme em forminhas de empada ou em potinhos individuais e leve para gelar por 1 hora. Se for usar forminhas, desenforme e cubra com a calda. Caso tenha utilizado potinhos, cubra o creme com a geléia.

A geléia que usei foi caseira e já estava bem molinha. Caso compre um pote de geléia, dissolva-a em um pouco de água e leve ao fogo para derreter. Espere esfriar e cubra a panna cotta ou sirva a parte.  

                                               Foto por Cynthia Brant

                                             Foto por Herlandes Tinoco



5 de nov de 2011

Frango com iogurte, páprica e gengibre

Só comendo para entender o tanto que combina o uso de gengibre, páprica e limão em um mesmo prato!! E o uso do iogurte no lugar do creme de leite deixa o prato menos cremoso e mais leve, além de menos calórico.

Ainda aparecerão muitas receitas com gengibre por aqui! Acho o sabor maravilhoso e combina com carne vermelha, carne branca, legumes, molhos, sobremesas, bebidas e etc. Dessa vez usei gengibre fresco ralado, mas já usei gengibre em pó e dá certo também!

E essa receita foi tirada desse blog!

Ingredientes:

500 grs de peito de frango picado
2 dentes de alho picados
1 cebola picada
3 colheres (sopa) de óleo
1 colher (sopa) de páprica doce
1 pitada de chili em pó - opcional
3 colheres (sopa) de azeite
suco de 1 limão tahiti
1 copo de iogurte natural desnatado
1 colher (sopa) de catchup
1 colher (sopa) de gengibre ralado ou 1/2 colher (sopa) de gengibre em pó
sal a gosto

Preparo:

Tempere o frango com o azeite, chili, sal e metade do suco de limão. Deixe marinar por 1 hora. Aqueça o óleo em uma panela, doure a cebola e o alho. Acrescente o frango e doure. Acrescente o suco de limão e a páprica. Deixe cozinhar 5 minutos. Coloque o catchup, iogurte e gengibre. Ajuste o sal.

Sirva com arroz branco e batata palha.



                                     Foto por Herlandes Tinoco

OBS: Se for usar chili, use uma pitada bem pequena e caso queira mais picante, vá acrescentando mais.

4 de nov de 2011

Quiche vegetariano

Para estrear meu novo livro 500 Tortas Doces & Salgadas, escolhi uma receita de quiche para testar a massa básica de tortas.

Dentre tantas receitas maravilhosas de tortas doces e salgadas com recheios mais convidativos, preferi uma vegetariana para tentar diminuir o estoque de legumes da geladeira. Já viu alguém que vai a feira e compra tudo quanto é legume por achar que estão lindos? Pois é, sou eu..

Seja ela doce ou salgada, tenho que concordar com a autora do livro quando diz que "Poucas coisas na vida são mais convidativas quanto a fragrância de uma torta recém-assada saindo do forno". Só o cheiro já abre o apetite!

Ingredientes:

Massa:

300 grs de farinha de trigo
115 grs de manteiga sem sal
115 grs de gordura vegetal hidrogenada
uma pitada de sal
1 ovo grande
2 colheres (chá) de vinagre branco
2 colheres (chá) de água gelada

Recheio:

Legumes e verduras a gosto (fui de 1/2 abobrinha, 1 alho-poró e 3 ramos de couve-flor)
sal e pimenta
bolinhas de muçarela de búfala
3 ovos
1 xícara de creme de leite
folhas de manjericão
uma pitada de noz-moscada
Tempero pronto (usei Fondor)

Preparo:

Massa:

Misture a farinha e o sal em um recipiente grande. Corte a manteiga e a gordura vegetal em pequenos pedaços e acrescente à mistura de farinha. Misture com as mãos até formar uma farofa úmida, deixando alguns pedaços de manteiga e gordura vegetal. Usando um  garfo, bata em outra vasilha o ovo com o vinagre e a água. Despeje sobre a mistura de farinha bem devagar até dar liga. Divida a massa em duas partes, faça uma bola com cada uma, enrole em filme plástico e leve à geladeira por 30 minutos.

Após esse tempo, retire a massa e abra-a em uma superfície polvilhada com farinha para não grudar (a receita pedia para abrir com o rolo; achei mais fácil colocar os pedaços no refratário previamente untado e ir abrindo com as mãos - para metade da massa usei um refratário de 21 cm de diâmetro e ainda sobrou um pouquinho de massa).


Recheio:

Fatie a abobrinha e o alho-poró, pique a couve-flor e cozinhe-os no microondas por 2 minutos, conforme explicado aqui. Salpique sal, pimenta e Fondor a gosto. Disponha-os em cima da massa. Bata os ovos em outro recipiente, junte o creme de leite e a noz moscada. Acrescente uma pitada de sal. Jogue a mistura de ovos sobre os legumes. Parta as bolinhas de  muçarela de búfala ao meio e disponha sobre o creme. Salpique folhas de manjericão.

Leve ao forno pré-aquecido (180 graus) por 60 minutos.


                              Fotos por Herlandes Tinoco








3 de nov de 2011

Conserva de Berinjela

Em um certo carnaval em Caxambu/MG aprendi a fazer essa conserva de berinjela super prática e versátil. Você só tem que picar a berinjela e os ingredientes que preferir e colocar para assar. Rende bastante e pode ser congelada ou mantida na geladeira se coberta com azeite.

Para dar um colorido, prefiro usar pimentão amarelo e vermelho, além do verde. Gosto de colocar alho em flocos, mas pode ser feita somente com a cebola. Se quiser, coloque castanhas ou amêndoas.

Vivis, essa sua receitinha agrada a muita gente e sempre a faço! Como o pote todo, se deixar!

Ingredientes:

2 berinjelas grandes
1 cebola
1 pimentão verde pequeno
1 pimentão vermelho médio
1 pimentão amarelo médio
100 grs de passas (brancas, escuras ou 1/2 a 1/2)
2 colheres (sopa) de alho em flocos (opcional)
150 grs de azeitona verde
pimenta do reino branca e sal a gosto
1 xícara (chá) de azeite
1/2 xícara (chá) de vinagre
1 colher (chá) de pimenta calabresa (opcional)

Preparo:

Retire a parte verde das berinjelas e corte-as em cubos pequenos. Não é necessário retirar a casca. Coloque-as em um tabuleiro ou refratário e espalhe o vinagre por cima. Tempere a gosto. Pique a cebola, os pimentões e a azeitona e misture à berinjela. Junte as passas, o alho e a pimenta calabresa. Regue com o azeite e misture. Cubra com papel alumínio e leve ao forno por 30 minutos. Retire o papel e acrescente mais azeite se estiver seca. Deixe esfriar e leve para gelar.  

                                  Foto por Herlandes Tinoco

 


2 de nov de 2011

Bolo streusel de maçã

Ontem a noite estava um friozinho gostoso aqui em BH e queria comer alguma coisa que fosse confortante. 

Folheando esse livro aqui achei uma receita de bolo streusel de maçã que me pareceu a ideal: maçãs assadas saindo do forno, com pouca massa e uma cobertura streusel.

Cobertura streusel nada mais é que uma mistura de manteiga, farinha, açúcar e especiarias que você joga por cima de um bolo, muffins, crumbles ou pães antes de assar. Fica crocante e bem saborosa, a cobertura perfeita para um bolo com frutas!

Ingredientes:

125 grs de manteiga sem sal amolecida
3 maças sem casca (usei maçã verde)
2 colheres (sopa) de suco de limão
1 xícara (chá) de açúcar mascavo
1/3 xícara (chá) de açúcar refinado
1 colher (chá) de essência de baunilha
2 ovos
150 grs de farinha de trigo com fermento (caso use a tradicional, coloque 1/2 colher (sopa) de fermento em pó)

Cobertura Streusel:

40 grs de amêndoas em lâminas
1/3 xícara (chá) de farinha de trigo
1/3 xícara (chá) de açúcar mascavo
1/2 colher (chá) de canela em pó
30 grs de manteiga sem sal derretida

Preparo:

Aqueça o forno a 180 graus. Unte e forre com papel vegetal um tabuleiro para bolo de 28x18cm (usei uma forma quadrada 20x20cm para ficar um bolo mais alto e untei por cima do papel também). Pique as maçãs e regue com o suco de limão para que não escureçam. Em uma batadeira, bata a manteiga com o açúcar e a essência de baunilha. Misture os ovos, um a um, e continue batendo. Peneire a farinha e incorpore-a uniformemente na mistura. Junte as maçãs e as envolva com a massa (você poderá achar que é muita maçã para pouca massa, mas é assim mesmo!). Espalhe no tabuleiro.

                                            Foto por Herlandes Tinoco

Para a cobertura, misture todos os ingredientes até obter uma textura granulosa, espalhe por cima da massa e leve ao forno (180 graus) por 1 hora.

                                           


                                          Fotos por Herlandes Tinoco