8 de nov de 2015

Estrogonofe de nozes

Esse fim de semana bateu uma vontade de fazer aquelas receitas antigas, de casa de vó. Na busca de receitas diferentes acabo esquecendo daquelas mais tradicionais e que são deliciosas. Um exemplo é esse estrogonofe de nozes, que nada mais é que uma mousse de chocolate com pedaços generosos de nozes.

Ingredientes:

150 g de chocolate meio amargo picado
3 ovos (gemas e claras separadas)
150 g de nozes (separe um pouco para enfeitar)
1 lata de leite condensado
1 caixinha de creme de leite

Preparo:

Coloque em uma panela o leite condensado, o chocolate, as gemas peneiradas e as nozes. Leve ao fogo, misturando até ferver. Desligue e acrescente o creme de leite. Reserve. 

Quando o creme de chocolate com nozes estiver frio, bata as claras em neve e incorpore. Transfira para uma travessa e enfeite com as nozes picadas. Leve para gelar por 2 horas e sirva.





6 de nov de 2015

Taça de Doce de Leite com Frutas

Uma receita que leva farofa de castanhas, frutas e uma mousse de doce de leite não tem como ficar ruim, né? Fiz em uma taça grande, mas você pode fazer porções individuais e colocar as frutas que preferir. Fica super levinha e não muito doce.

Ingredientes:

300 ml de creme de leite fresco
500 g de doce de leite em pasta
2 maçãs verdes sem casca picadas
1/2 lata de pêssegos picados e escorridos
3 colheres (sopa) de açúcar
1/2 pacote de biscoito maisena
100 g de castanhas do pará
suco de 1/2 limão

Preparo:

Faça a base de biscoitos, triturando as castanhas e o biscoito no liquidificador. Cubra o fundo de uma taça para doces. 

Descasque as maçãs, pique-as e esprema o suco de 1/2 limão sobre elas. Pique os pêssegos e misture. Adicione a mistura de frutas sobre a camada de biscoito.

Bata o creme de leite fresco gelado na batedeira até o ponto de chantilly, acrescentando o açúcar quando começar a aumentar de volume. Misture o doce de leite no chantilly e bata por alguns segundos para incorporar o doce. Cubra as frutas com esse creme e polvilhe um pouco de biscoito por cima. Leve para gelar por 2 horas antes de servir.



Foto por Herlandes Tinoco

1 de nov de 2015

Risoto de Alho-Poró com Linguiça de Javali

Véspera de feriado pede um bom vinho e um prato prático. Vendo outras fotos dos risotos que já apareceram por aqui, acho que consegui evoluir um pouco no preparo, porque esse ficou no ponto certo: al dente e cremoso.

O risoto levou alho poró, abobrinha e cenoura, o que pra mim é umas das combinações mais simples e certas. O risoto, básico, combinou perfeitamente com umas linguicinhas de javali, um pouco mais temperadas. Usei essa aí da foto e achei muito boa. Se preferir outra, sugiro de pernil. 



Ingredientes:

1/2 alho poró picado
1/2 cebola picada
1 colher (sopa) de azeite
1 taça de vinho branco seco (150 ml)
1 xícara (chá) de arroz arbóreo
1 litro de caldo de legumes 
2 colheres (sopa) de cenoura ralada
1/2 abobrinha em cubos pequenos
2 colheres (sopa) de manteiga 
2 colheres (sopa) de parmesão ralado
200 grs de linguiça de javali

Preparo:

Comece preparando o caldo ou use 1 cubo de caldo pronto dissolvido em um litro de água. Se for preparar, aqueça 1 colher de azeite ou óleo vegetal e frite os legumes picados. Usei 2 cenouras, 2 cebolas, 2 talos de salsão, 1 colher (chá) de grãos de pimenta, 1 folha de louro, 1/2 abobrinha e 1/2 alho poró. Junte 1,5 litro de água e deixe ferver por 30 minutos. Coe e use. Aproveite os legumes cozidos para uma sopa posteriormente.

Coloque a linguiça no forno pré aquecido (a 200 graus) e asse por 30 minutos.

Para o risoto, refogue a cebola no azeite por 1 minuto. Junte o alho poró picado e refogue por mais um minuto. Acrescente o arroz e deixe refogar por 5 minutos. Sempre mexendo o arroz, coloque o vinho e deixe o líquido reduzir (aproximadamente 5 minutos). Acrescente três conchas do caldo fervente, uma por vez, deixando o líquido secar antes de colocar a próxima concha (para as três conchas você gastará cerca 15 minutos). Não pare de mexer o arroz na panela. Repita o processo e acrescente mais 3 conchas do caldo. Coloque a cenoura ralada e a abobrinha picada (sem casca e sem semente) e continue o cozimento. Quando secar, coloque o restante do caldo e mexa até o arroz ficar al dente (prove e veja se está um pouquinho duro - como se precisasse cozinhar mais 5 minutos se fosse um arroz agulhinha). Desligue, coloque o queijo parmesão e a manteiga picada e mexa para incorporar. Não acho necessário colocar sal e pimenta, mas fica a gosto.

Pique as linguiças e sirva sobre o risoto.

Foto: Herlandes Tinoco